Qual é a diferença entre pauta e pré-pauta?

Por Juliana Gragnani, 21, trainee da turma 54

 

“Os primeiros dias de treinamento são um misto daquela ansiedade dos primeiros dias na escola, quando voltar às aulas era algo divertido, e do nervosismo dos primeiros dias de trabalho, quando a nova vaga de emprego ainda é algo com a qual se tem que familiarizar.

Tudo isso multiplicado por doze _doze pessoas que, por causa da semana de palestras, já se conheciam e, arrisco dizer, já se davam muito bem.

Entre aulas de português e inglês, cursos para aprendermos a usar programas que editam e publicam o conteúdo da Folha, orientações para conseguirmos organizar nosso e-mail, fizemos também alguns exercícios práticos relacionados, claro, a jornalismo.

Uma das propostas foi criar três pautas a partir do jornal do dia, sendo uma pauta derivada (uma matéria que pode surgir a partir da ‘lacuna’ de uma reportagem ou nota do jornal), outra de serviço e, por fim, uma pauta de perfil.

Recomendo o exercício: pegue o jornal do dia e tente ver se ele rende pautas – pela quantidade de possíveis matérias discutida pelo grupo, descobrimos que muitas pautas podem surgir assim, a partir de um olhar e leitura mais apurados. Mas na nossa discussão posterior à tarefa, surgiram algumas questões: Qual é a diferença entre uma pauta e uma pré-pauta? Quais os requisitos de uma e de outra?

O Manual de Redação define pauta como o ‘primeiro roteiro para a produção de textos jornalísticos e material iconográfico’. No entanto, o Manual não define pré-pauta.

No livro “Jornalismo Diário – Reflexões, recomendações, dicas e exercícios”, lemos que a diferença entre pauta e pré-pauta reside na pesquisa e um pouco na apuração, pois ‘a pré-pauta exige pesquisa inicial para virar pauta’.

Em nossos trabalhos, vimos que a diferença entre um e outro pode ser muito sutil. Às vezes não sabíamos se estávamos produzindo pautas ou se nosso faro e “especulação”, sem tempo para pesquisar, tendia mesmo pra pré-pauta.

A discussão rendeu, assim como os outros muitos debates que já fizemos apenas nesse começo de treinamento. Sinto que vem muito mais por aí!”