Bolsa leva jornalistas para realizarem reportagens no Haiti

treinamento

Jornalistas latino-americanos podem se candidatar, até 28 de fevereiro, para uma bolsa de viagem concedida pelo Instituto Político para la Libertad (Instituto Político para a Liberdade), em parceria com o National Endowment for Democracy (Fundo Nacional para a Democracia), para a realização de reportagens no Haiti.

O objetivo do projeto é que os profissionais retratem a realidade haitiana com foco no papel dos jovens e das mulheres no país caribenho. Para isso, eles passarão duas semanas em Porto Príncipe, com passagens, hospedagem e alimentação pagos, em abril de 2018.

Estão aptos a concorrer profissionais de qualquer país da América Latina que tenham entre 25 e 39 anos e possuam experiência com a produção de artigos de opinião e de reportagens. Ao final do programa, os selecionados precisarão publicar pelo menos um trabalho de cada tipo em qualquer formato.

Moradias em Porto Príncipe, capital do Haiti (Divulgação)

Para se inscrever, basta preencher a ficha disponível no site, apresentando tanto exemplos de matérias já produzidas como um plano de divulgação dos trabalhos que pretendem realizar no Haiti.

O anúncio dos dois vencedores será feito em 9 de março. Mais informações estão disponíveis no site do instituto.