Prêmio entrega US$ 30 mil para reportagens investigativas latino-americanas

Por treinamento
Concedido pelo Instituto Imprensa e Sociedade (IPS) e pela Transparência Internacional, o Prêmio Latino-americano de Jornalismo Investigativo reconhece trabalhos de interesse público e que promovam uma maior transparência em governos, empresas e veículos de comunicação.

Jornalistas da América Latina e do Caribe podem concorrer com trabalhos divulgados entre 1º de novembro de 2016 e 31 de agosto de 2017 escritos em português, espanhol e inglês. São aceitas reportagens publicadas em meios impressos, digitais, televisivos e radiofônicos, embora não haja distinção de categoria.

Prêmio Latino-americano de Jornalismo Investigativo aceita inscrições até 1º de outubro (Divulgação)
Será entregue ao vencedor uma quantia de US$ 10 mil (R$ 31.040), enquanto o segundo e terceiro colocados receberão US$ 5 mil (R$ 15.520) cada um.

Ainda serão concedidas duas bolsas de US$ 5 mil (R$ 15.520) para projetos em fase de planejamento.

A cerimônia de premiação ocorrerá durante uma conferência de jornalismo investigativo em 4 de novembro, em Buenos Aires. Os autores das melhores matérias serão convidados a apresentarem seus trabalhos durante o evento.

É possível realizar a inscrição até 1º de outubro por e-mail. Mais detalhes estão disponíveis no site, em espanhol.