Universidade de Columbia anuncia curso de especialização em jornalismo de dados

Por treinamento

A Faculdade de Jornalismo da Universidade de Columbia, nos Estados Unidos, anunciou que lançará um curso de mestrado em jornalismo de dados. A proposta faz parte do atual programa de especialização na área oferecido pela instituição.

Na página do anúncio, a universidade destacou que o desafio da próxima geração de jornalistas será adaptar bases de dados e as ciências da computação ao trabalho de reportagem e à narrativa, ao mesmo tempo em que se preservam os valores fundamentais da profissão. Também foi ressaltado que, hoje, essas técnicas permitem o acesso a grandes quantidades de informação, diminuindo a dependência de fontes oficiais.

 

Campus da Universidade de Columbia, em Nova York (Divulgação)

“Para que os jornalistas possam continuar com seu papel de vigilantes do poder, contadores de histórias e discernidores da verdade, cada vez mais eles precisam aprender a manejar dados e códigos de computadores. Achamos que nosso novo curso oferece um passo à frente na educação jornalística e que é definitivo para o futuro de nossa profissão”, disse Steve Coll, reitor da faculdade de jornalismo, na página do anúncio.

Os alunos do curso de Jornalismo de Dados passarão por um programa de três semestres que proporciona um conhecimento aprofundado do manejo de dados, com uma grade curricular que abrange também aulas de inovação e computação. A proposta é que, com um treinamento especializado, os profissionais possam se utilizar de diversas tecnologias para identificar e analisar padrões de dados.

Para fazer a especialização, não é necessário ser formado em jornalismo ou ter vasta experiência na área. O processo seletivo é aberto para pessoas com ensino superior completo e aceita também aplicações de estrangeiros.

As inscrições podem ser feitas até 15 de dezembro através do site. Os candidatos devem preencher um formulário com testes, certificados, cartas de recomendação e exemplos de trabalhos publicados, além de pagar uma taxa de U$ 100 (R$ 312).