Bolsa leva jovens líderes brasileiros para desenvolver projetos de pesquisa na Alemanha

Por treinamento

As inscrições para a bolsa Chanceler Alemã para Futuros Líderes do Brasil, que oferece incentivo financeiro para capacitação profissional e pessoal na Alemanha, ficam abertas até o dia 15 de setembro. Neste ano, o programa selecionará dez jovens brasileiros.

Portão de Brandemburgo, em Berlim, iluminado com as cores da bandeira da Alemanha (Foto: Clemens Bilan/AFP)

O programa terá início em 1° de outubro de 2018, com duração de um ano. No período, os participantes desenvolverão projetos de pesquisa no país. Ao final, poderão apresentar os resultados pessoalmente à chanceler alemã Angela Merkel.

Nos primeiros dois meses, os aprovados também estabelecerão contato com outros bolsistas nas cidades de Bonn e Berlim e farão um curso intensivo de alemão.

Os candidatos devem ter formação superior completa em qualquer área e fluência em inglês ou alemão. A bolsa exige a apresentação de uma carta de recomendação de um mentor para a pesquisa, de instituição de ensino privada ou pública.

A ajuda mensal para os aprovados, incluindo hospedagem, varia entre € 2.150 (cerca de R$ 7.995) e € 2.750 (R$ 10.227), dependendo das qualificações. A bolsa cobre custos com viagem e dá suporte para familiares que queiram acompanhar os bolsistas.

O projeto é uma iniciativa da fundação Alexander von Humboldt (AvH), com apoio da Câmara de Comércio e Indústria Brasil-Alemanha (AHK São Paulo) e do Consulado Geral da Alemanha em São Paulo.