Nova Zelândia lança bolsa de pós para todas as áreas do conhecimento

Por treinamento

O consulado da Nova Zelândia anuncia que estarão abertas entre 16 de fevereiro e 30 de março as inscrições para o programa de bolsas de especialização, mestrado e doutorado naquele país.

Recepção a grupo de estudantes neozelandeses, bolsistas financiados pelo governo da Nova Zelândia Consulado da Nova Zelândia (Foto: Márcia Alves/Agência Galo)
Bolsistas neozelandeses com a embaixadora da Nova Zelândia no Brasil, Caroline Bilkey (Foto: Márcia Alves/Agência Galo)

O programa oferece cursos com duração de seis meses a quatro anos e é dirigido a brasileiros com até 39 anos de idade, formados em qualquer área.  A bolsa cobre os valores de mensalidades, hospedagem, despesas médicas e de viagens e oferece mesada quinzenal.

Exige-se experiência de trabalho de pelo menos um ano na área escolhida (à exceção de candidatos recém-formados) e proficiência comprovada na língua inglesa. Também é necessário comprometer-se a permanecer no Brasil por ao menos dois anos.

Nesse momento, há um grupo de 13 bolsistas neozelandeses que passam um período de quatro semanas em São Paulo e no Rio de Janeiro, com previsão de aulas na USP e PUC-Rio e visitas a museus, coletivos de arte e comunidades.

Para a estudante de história da arte Florence Esson, 20, a visita será importante para conhecer a produção artística brasileira. “Fiquei animada inclusive de conhecer a arte de rua no Brasil. Na cidade parece que tudo é muito colorido. Na Nova Zelândia, a arte de rua não tem muita cor, é mais bege.”

Para concorrer, preencha o formulário no site.