Empresa responsável pelo ‘NYT’ adquire site de recomendação de produtos

Por treinamento

A New York Times Company, empresa responsável pelo jornal “NYT”, comprou em outubro os sites de recomendações de produtos “The Wirecutter” e “The Sweethome”.

A aquisição segue uma tendência da companhia, que procura se adaptar à era digital, em direção a um jornalismo de estilo de vida, com iniciativas como a criação do site de receitas “Cooking” e da página de recomendações de filmes e programas de TV “Watching”.

New York Times Adds 100,000 Digital Subscribers With Paywall

O “NYT” e o “The Wirecutter” já vinham colaborando há cerca de um ano em reportagens sobre temas como wi-fi ruim, baterias com baixa vida útil e queda no número de assinantes de TV a cabo. Com o negócio, a empresa dá mais um passo na direção do jornalismo de serviço.

“A abordagem prática que esses sites apresentam na recomendação de produtos incorpora os mesmos padrões e valores que são pilares da nossa Redação”, afirmou em comunicado o chefe executivo da Times Company, Mark Thompson.

Em nota aos funcionários, o editor executivo do “NYT”, Dean Baquet, disse que as discussões sobre a aquisição começaram no início do ano e que ele foi um dos principais proponentes da transação.

A compra acontece em um momento de transição para o jornal, que procura se adaptar ao futuro digital, um processo que tem deixado jornalistas apreensivos quanto a demissões no início de 2017.