Com a presença de Jô Soares, Folha realiza evento que discute a obra de William Shakespeare

Por treinamento

Em memória aos 400 anos da morte de William Shakespeare (1564-1616), a Folha realiza no dia 14 de abril (quinta-feira) um evento para discutir a obra deste que foi o maior dramaturgo em língua inglesa da história.

Na ocasião, Jô Soares fará uma leitura dramática de “Tróilo e Créssida”, peça traduzida e adaptada por ele em parceria com Mauricio Guilherme, e que Jô dirigirá em montagem que estreia no segundo semestre deste ano.

O apresentador, diretor e humorista não é novo ao mundo do teatro de Shakespeare. Montou “Romeu e Julieta” em 1969 escalando Regina Duarte e dirigiu uma adaptação de “Ricardo 3°” em 2006 com um elenco que incluiu Marco Ricca, Denise Fraga e Glória Menezes.

 

O apresentador Jô Soares
O apresentador, diretor e humorista Jô Soares, que fará leitura dramática de peça de Shakespeare durante o evento 

 

A peça se passa durante a guerra de Troia. Conta a história de Créssida, que, após passar uma noite de amor com o príncipe Tróilo, é dada aos gregos em troca de um prisioneiro. Envolve-se então com um soldado inimigo, enfurecendo o príncipe.

Após a leitura, haverá um debate com a presença do próprio Jô, do premiado diretor teatral Gabriel Villela, que já dirigiu o Grupo Galpão no Shakespeare’s Globe, em Londres, e do ator Greg Hicks, da Royal Shakespeare Company. A discussão será mediada por Nelson de Sá, jornalista da Folha.

O evento é uma parceria com o British Council e ocorre no auditório do Centro Brasileiro Britânico (rua Ferreira de Araújo, 741) a partir das 18h30.

As inscrições são gratuitas e as vagas, limitadas. Para se inscrever, ligue 0800-777-0360 ou envie um e-mail para seminariosfolha@grupofolha.com.br